Seu site de estilo (e qualidade) de vida

29/03/2019 - 7:32

TV Globo cria nova Diretoria Integrada de Negócios

por Luís Perez

Uma das maiores redes de televisão aberta do mundo deu um passo decisivo para a transformação de seu modelo de atuação comercial. A Globo acaba de anunciar a criação da sua Diretoria Integrada de Negócios.
Agora todas as áreas de negócios da TV aberta e das operações digitais do Grupo Globo passam a atuar de forma integrada, oferecendo soluções completas em uma única proposta de valor ao mercado anunciante.

As equipes comerciais, até aqui divididas em digital e tradicional, foram unificadas e passam a atuar sob comando único. A mudança é um movimento fundamental na transformação da Globo em empresa Media Tech, para oferecer uma melhor experiência às pessoas e melhores resultados aos anunciantes.

TV Globo: mercado em transformação

TV Globo: mercado em transformação

“Mais do que juntar equipes, estamos falando em capacitá-las com novos conhecimentos e habilidades específicas de Media Tech, sem abrir mão dos atributos que elas aportam individualmente”, afirma o diretor-geral da Globo, Carlos Henrique Schroder.

“É um processo permanente e que acontece ao longo do tempo: preserva-se o que está certo ao mesmo tempo em que se vai ajustando o modelo, em um processo ágil e veloz. O que estamos fazendo é a integração definitiva do tradicional ao digital, do BI à inteligência criativa, da inteligência artificial à criatividade humana.”

Segundo Schroder, o objetivo maior que guia a mudança é tratar de forma integrada as necessidades das marcas e das pessoas. “A vocação desta companhia é ser um hub, o lugar onde todos se encontram, oferecendo, inclusive, oportunidades cruzadas de negócios para as marcas”, diz.

Já integrada, a equipe comercial passa a trabalhar em um único espaço físico, sob o comando de Eduardo Schaeffer, que terá a missão de redesenhar a área e capacitar o time com novas ferramentas e habilidades. A opção pelo seu nome para a Diretoria Integrada de Negócios se deve à sua trajetória executiva, uma carreira inteiramente construída no mundo digital.

“Este é um momento em que todas as empresas de comunicação repensam seus modelos, mesmo aquelas que já nasceram em ambiente digital. Estamos vivendo o momento do novo e, sendo um dos maiores grupos de comunicação do mundo, estamos também nos transformando”, analisa Schaeffer.

Comentários

comentários