Seu site de estilo (e qualidade) de vida

18/08/2014 - 22:36

Nespresso promete conserto em garantia, recolhe máquina e depois liga cobrando

por Luís Perez

Quatro dias atrás este repórter fez no Facebook um elogio público à Nespresso, até agora uma marca de excelência. No entanto, somos obrigados a retirá-lo. Minha máquina, uma U, foi afetada pela segunda vez com o mesmíssimo defeito – o café era depositado dentro da bandeira de gotejamento, em vez de na xícara.

Até perdi algumas cápsulas por conta disso. Paciência. No dia 14 de agosto, exatos seis meses após o defeito aparecer – e ser reparado em garantia – pela primeira vez, ele surgiu de novo. No serviço de assistência, fui bem atendido, e a informação foi de que a máquina seria consertada na garantia do conserto (seis meses).

Nespresso: atendimento não é tão padrão Grand Cru assim

Nespresso: atendimento não é tão padrão Grand Cru assim

Hoje recebo um telefonema da Nespresso. A atendente fez um malabarismo verbal (confesso que não entendi direito), parece que a garantia da máquina cobria, a garantia do conserto não cobre, algo assim, o defeito (vício oculto no jargão do consumidês). E que a empresa estaria emitindo um boleto no valor de R$ 100. Sei.

Se a cada seis meses eu tiver de pagar R$ 100 por um defeito recorrente, acho que em alguns anos compro uma máquina muito melhor do que a U. Disse que não concordava com o pagamento e que, se fosse assim, que a trouxessem de volta.

Terei prazer em filmar e postar no YouTube uma máquina Nespresso sendo destruída a marretadas. Acho que terá uma boa audiência. E não fará assim tão bem à imagem da marca.

PS – Após nossa manifestação nas redes sociais, a área de atendimento ao consumidor da Nespresso decidiu trocar a máquina.

Comentários

comentários