Seu site de estilo (e qualidade) de vida

18/12/2013 - 15:00

Dois a cada três hóspedes de hotéis afanam itens dos quartos

da Redação

Dois a cada três hóspedes de hotéis, brasileiros ou não, costumam levar embora itens dos quartos. Os artigos subtraídos vão de artigos de toalete e chá até as pilhas do controle remoto da TV. Esse é um dos resultados da pesquisa “TripBarometer Truth in Travel”.

O estudo revela divergências entre o que os viajantes afirmam terem levado e o que os hoteleiros informam estar faltando nos quartos. Dos viajantes internacionais, 65% admitem levar itens do quarto como “lembrancinha”. Entre os brasileiros, o índice cai só um ponto percentual (64%). Três a cada cinco (58%) hoteleiros internacionais e 54% de proprietários de hotéis no Brasil informam que seus hóspedes levam com frequência uma variedade de itens ao partirem.

Pilhas do controle remoto vivem sumindo

Pilhas do controle remoto vivem sumindo

Hóspedes admitem levar itens que são normalmente considerados cortesia, como artigos de toalete ou papelaria. Entretanto, parece que alguns viajantes acham que toalhas, lâmpadas e pilhas em seus quartos também podem ser levadas livremente.

Apesar de apenas 7% dos viajantes internacionais afirmarem que levam toalhas dos quartos de hotéis, um número bem maior (25%) afirmam que detectam a falta de toalhas após a estadia de um hóspede.

Alguns viajantes têm conceitos bem peculiares sobre o que é uma boa lembrança de viagem – um em cada dez hoteleiros informa o sumiço de cabides de roupas e 7% descobriram que as baterias dos controles remotos de TV foram removidas após o check-out do hóspede.

Comentários

comentários