Seu site de estilo (e qualidade) de vida

01/03/2017 - 9:26

Deliciosa cerveja caseira homenageia avós na Vila Ipojuca

por Luís Perez

Um belo dia, depois de problemas de saúde, tive de parar de beber. Mas foi praticamente sabotagem. Passo em frente a uma casa na minha rua e está escrito: “Casa Avós – Cerveja artesanal da Vila Ipojuca”. Sabotagem!

A cervejaria é apresentada assim: “Sabe aquele almoço de domingo na casa dos avós? O cheirinho do café saindo e do bolo assando no forno? São momentos como esses, leves, simples e cheios de amor envolvido, que têm um valor enorme e que não queremos que acabe nunca. Inspirados nessas lembranças, resolvemos criar algo que fosse uma homenagem àquelas que nos proporcionam essas doces experiências: as avós”.

Empreendimento do publicitário Junior Bottura, a receita das cervejas inclui os melhores ingredientes, uma dose extra de carinho e o fermento que fez a massa crescer. “O resultado não poderia ser mais delicioso.” E a cerveja de fato é uma delícia, muito diferente dos “sucos de milho” que se encontram por aí…

Produzida em Várzea Paulista (SP), a cerveja tem seu espaço em no térreo de um sobrado octagenário, na Vila Ipojuca (zona oeste de São Paulo), com possibilidade de beber no local ou levar para casa a bebida em growlers e crowlers. Há ainda charmosos souvenirs cervejeiros, como camisetas, meias, bonés, copos, abridores, kits e geléias feitas com a própria bebida.

Cerveja Avós: caseirinha para levar pra casa

Cerveja Avós: caseirinha para levar pra casa

As cervejas são: Vó Maria e o Seu Lado Zen, uma cerveja Hoppy Lager com 4,9%, leve, com amargor equilibrado, aroma cítrico e frutado marcante; Vó Maria, a Baixinha Porreta, uma India Pale Ale (IPA) com 7%, amargor intenso, e lúpulos com aromas bem cítricos, com direito a maracujá, manga e frutas silvestres com uma leve picância para finalizar; Vó Maria In Concert, uma Indian Pale Lager (IPL) com coloração dourada, amargor moderado e 6,1% de teor alcoólico e Vó Juca, homenagem ao bairro, pilsen que traz aroma de lúpulo floral e herbal.

A casa funciona de terça a sexta, das 17h30 às 21h30h, aos sábados, das 11h às 15h, além de receber eventos fechados aos sábados, das 16h às 22h. Quem quiser provar algum dos quatro chopes da cerveja Avós, enquanto aguarda o serviço dos growlers e crowlers, ou conhece o espaço, é bem vindo e recebido com um mimo para beliscar, amendoins e tremoço.

Comentários

comentários